quarta-feira, 25 de março de 2009

Pisar no chiclete, perder MP4....


Hoje ao chegar na Faculdade, umas das primeiras coisas que percebo é que provavelmente perdi meu MP4. Só para começar muito bem o dia, né? Imediatamente pensei em toooodos os arquivos importantes e únicos que estavam guardados lá e em tooooooooooodas as vezes que pensei: "ei, preciso fazer cópias de segurança disso!".
E aí fui nos achados e perdidos da Facul, e nada. Procurei alguns funcionários do laboratório de informática (acho que esqueci o bichim plugado em dos computadores ontem) e nada. Eu sei que tem um arquivo salvo nele com o nome "dona do MP4". Aí tem meu nome, telefone e e-mail. Como eu queria que uma pessoa muito boazinha encontrasse e devolvesse... Utopia? Sei lá, uma vez perdi uma carteira cheia de coisas importantes, como cartões de banco, de crédito, carteirinha de estudante e da biblioteca, e a pessoa que encontrou fuçou de tudo quanto era jeito até achar meu contato e me devolver! E foi um trabalhão mesmo, porque ela ligou para a Faculdade mas não conseguiu nada, aí achou uma notinha de recarga de celular com meu número e ligou! Um anjo!

E para ajudar meu dia a ser ótimo 2, pisei num belo chiclete! Não é legal? Alguém não se tocou de lixeiras, e de que goma de mascar também é um lixinho muito poluente, e resolveu cuspir o doce bem ali, onde posteriormente eu pisaria. Porque o povo acha meu MP4 e parece que eu só acho o chiclete do povo.
Mas pelo menos tenho uma novidadezinha! Acho que escolhi o tema da minha monografia. Quer dizer, mais ou menos, porque ainda vou escolher direitinho o objeto de estudo e também tenho que encontrar orientador(a), mas as coisas já vão caminhando. Por enquanto não conto do que se trata, mas só adianto que o trabalho estará diretamente ligado à imagem da mulher na mídia. Mas com um troçozinho de guardar arquivos que a gente leva pra lá e pra cá ajuda, né? Ai, ai... Muito chato perder coisa importante. Muito chato ser viciado em objeto eletrônicos da nossa geração... Muito chato ficar dizendo "muito chato" e não saber direito como terminar um post...

Um comentário:

ana cleia disse...

Oi Sher, essa é a segunda vez que eu comento (o outro tá no post Sherdoando). Você me fez rir agora da forma como terminou este post. Beijos e espero ler mais para rir um pouco mais.